Resenha: P.s Ainda amo você

05:52

Resenha do livro P.s Ainda amo você continuação de Para todos os garotos que já amei

   Título: P.s Ainda amo você
   Autora:  Jenny Han
   Editora: Intrínseca
   Gênero: Romance
   Comprar:  Amazon | Submarino

Sinopse: Lara Jean sempre teve uma vida amorosa muito    movimentada, pelo menos na cabeça dela. Para cada garoto por quem se apaixonou e desapaixonou platonicamente, ela escreveu uma bela carta de despedida. Cartas muito dela, muito pessoais, que de repente e sem explicação foram parar nas mãos dos destinatários. Em "Para todos os garotos que já amei", Lara Jean não fazia ideia de como sair dessa enrascada, muito menos sabia que o namoro de mentirinha com Peter Kavinsky, inventado apenas para fugir do total constrangimento, se transformaria em algo mais. Agora, em "P.S.: Ainda amo você", Lara Jean tem que aprender como é estar em um relacionamento que, pela primeira vez, não é de faz de conta. E quando ela parece estar conseguindo, um garoto do passado cai de paraquedas bem no meio de tudo, e os sentimentos de Lara por ele também retornam. Uma história delicada e comovente que vai mostrar que se apaixonar é a parte fácil: emocionante mesmo é o que vem depois.
Vamos falar do segundo livro da série, hoje venho com a resenha de P.S Ainda amo você, continuação de Para todos os garotos que já amei. Essa resenha contém SPOILERS então se você ainda não leu o primeiro livro, fica a seu critério continuar a ler a resenha da continuação.  E você também pode ler a resenha do primeiro livro que eu já fiz aqui no blog é só clicar no link abaixo
Esse livro  começa com a Lara Jean resolvendo os problemas que ficaram pendentes no primeiro livro. Lara Jean se resolve com Josh, com sua irmã Margot e também com Peter Kavinsky.  Lara Jean e Peter começam um amor juvenil, mas a ex-namorada de Peter ainda é muito presente na vida dele e isso gera muitos sentimentos confusos em Lara Jean, pois ela fica sem saber se deve confiar ou não no Peter e se ele vai quebrar seu coração. 
Além disso Lara Jean tem que superar a falta que sua irmã Margot a faz sentir, cuidar de sua irmã mais nova Kitty, tentar fazer com que o pai supere a morte de sua mãe e tente entrar em um novo relacionamento, seu emprego novo em uma casa de repouso. Fora isso ela tem que lidar com o bullyng cibernético pelo qual tem passado após ter um vídeo intimo com Kavinsky espalhado pela internet.

Resenha do livro P.s Ainda amo você continuação de Para todos os garotos que já amei
Um novo menino aparece na vida de Lara Jean, John Ambrose McClaren,o único que não devolveu sua carta a Lara Jean.  John certo dia resolve escrever para ela, enviando então a resposta para a sua carta e assim eles começam a trocar correspondência, dando início ao triangulo amoroso.  Podemos ver o quanto isso bagunçou os pensamentos dela e a fez recordar de uns tempos antigos do colégio.
P.s ainda amo você tem como principal característica o conflito de uma jovem de 16 anos, vivendo seu primeiro amor juntamente com seus medos, anseios e insegurança.  Podemos dizer que nada novo aconteceu no livro, o que para mim foi uma leitura bastante tediosa e cansativa, pois eu esperava uma protagonista uma pouco mais decidida e confiante.
O primeiro livro se tornou um dos meus queridinhos do gênero, mas esse segundo livro me desapontou muito em relação do desenvolvimento da história, tanto que em diversos momentos eu só pensava em quão desnecessário esse livro foi para a história.  Não sei se é a maldição do segundo livro, mas não estou nem um pouco ansiosa para ler o terceiro livro.
Eu passei a não gostar do Kavinsky (não me julguem), ele perdeu todo o brilho para mim nesse livro e passei a desconfiar bastante do caráter dele.  No começo do livro ele é bem romântico, fez algumas coisas bem fofinhas para a Lara Jean, mas no decorrer no livro eu passei a não gostar dele e criei ranço mesmo.  Lara Jean foi um poço de drama nesse livro, muito drama mesmo e muitas das vezes desnecessário. 
John aparece no livro meio que do nada, de repente um menino que fazia anos que ninguém ouvida falar aparece e pronto, decide conquistar ela pois está apaixonado por ela. Gostei das narrativas de John, embora achei bem forçado algumas partes, fazendo com que desse a entender que ele é um príncipe maravilhoso.  Foi um triangulo amoroso bem chato de se ver, embora no final eu tenha torcido pelo John porque eu gostaria de ver mais sobre ele. 
Como eu já disse antes, eu gostei bastante do primeiro livro “Para todos os garotos que já amei”, porém terminei a leitura do segundo livro com a certeza que deveria ter acabado no primeiro livro mesmo, pois senti que estava lendo mais do mesmo e nada saia do lugar e quando saia era chato e tedioso. 

Veja também:

1 comentários

  1. Eu nao sabia que tinha a continuação do primeiro. Aiii que pena que não foi como o primeiro, e que pena que o Kavinsky perdeu todo o brilho. Achava os dois um casal taoooo fofo. Obrigada pela resenha através de sua perspectiva.

    ResponderExcluir